Prof. Dr. Antônio Jackson de Souza Brandão
 
 
Sintaxe
 
 

Verbos

 

1. (UFCE) No quadro abaixo, apresenta-se uma lista de verbos em ordem alfabética.

atribuir - chamar - dizer - escrever - existir -fluir - lidar - merecer - ser - transformar

 

Preencha as lacunas abaixo usando, sem repetir, os verbos do quadro acima, no presente

do indicativo, de maneira que as frases fiquem corretas, segundo a norma gramatical, e

aceitáveis do ponto de vista semântico.

 

(1) ... muitos que se (2) ... poetas, mas, na verdade, não (3) …Os verdadeiros poetas

(4)... com a emoção.

O que eles (5)...

(6)...-se, com justiça, poesia.

 

O sonho, a fantasia, a alegria, a dor, tudo se (7)... em verso. E em verso, a vida, quer

alegre, quer triste, (8)

Já aqueloutros não (9)... o nome de poetas que se lhes (10)....

 

2. (Univ. Alfenas-MG) Leia os versos abaixo e responda ao que se pede.

 

"Convive com teus poemas, antes de escrevê-los.

Tem paciência, se obscuros. Calma, se te provocam."

 

Caso o poeta tivesse optado pela forma você, em vez de tu, a alternativa que contém as

mudanças corretas seria

 

a) Conviva com teus poemas, antes de escrevê-los.

Tenha paciência, se obscuros. Calma, se o provocam.

b) Convive com seus poemas, antes de escrevê-los.

Tende paciência, se obscuros. Calma, se lhe provocam.

c) Conviva com seus poemas, antes de escrevê-los.

Tenha paciência, se obscuros. Calma, se o provocam.

d) Convivei com seus poemas, antes de escrevê-los.

Tenha paciência, se obscuros. Calma, se lhe provocam.

e) Convivei com vossos poemas, antes de escrevê-!os.

Tende paciência, se obscuros. Calma, se vos provocam.

 

3. (ESALq-SP) Considerando os verbos destacados nas frases abaixo, relacione a coluna

da esquerda com a da direita. Depois marque a sequência numérica que corresponde à

resposta certa.

 

1. infinitivo impessoal

2. presente do indicativo

3. infinitivo pessoal

4. futuro do pretérito do indicativo

5. imperfeito do subjuntivo

6. perfeito do indicativo

 

( ) Ser livre - como (diria) famoso conselheiro - é não ser escravo.

( ) (Somos), pois, criaturas nutridas de liberdade.

( ) Diz-se que o homem (nasceu) livre.

( ) Diz-se que (renunciar) à liberdade é renunciar à própria condição humana.

( ) Os papagaios vão pelos ares até onde os meninos de outrora não acreditavam que se

(pudesse) chegar com um fio de linha.

( ) Os loucos que sonharam sair de seus pavilhões usando a fórmula do incêndio para

(chegarem) à liberdade, morreram.

 

a) 4-2-6-1-5-3

b) 5-6-2-4-1-3

c) 3-5-2-6-4-1

d) 6-2-4-1-3-5

e) 3-6-5-2-1-4

 

4. (PUCSP) Nos trechos:

 

(Vejam), continuou ele, como não dá.

e

Cante esta, convidou o major.

 

alterando-se o sujeito dos verbos destacados para tu e depois para vós, teremos,

respectiva mente:

 

a) vê - canta vede - cantai

b) vejas - cantes vejais cantais

c) vês - cantas vedes - cantais

d) veja - cante vejai - cantei

e) vês - cantas vede – cantai

 

5. (PUCSP) Em relação aos trechos:

 

A questão (era) conseguir o Engenho Vertente,...

e

Ele (tinha) os seus planos na cabeça. (Via) as usinas de Pernambuco crescendo de

capacidade...

 

se substituirmos os verbos destacados pelo futuro do pretérito do indicativo, teremos:

 

a) fora, tivera, vira.

b) seria, teria, veria.

c) seria, teria, viria.

d) fora, teria, veria.

e) será, terá, verá.

 

6. (FUVEST-SP) Preencha os claros da frase transformada com as formas

adequadas dos verbos assinalados na frase original.

 

Original:

 

Para você (vir) à Cidade Universitária é preciso (virar) à direita ao (ver) a ponte da

Alvarenga.

Transformada:

 

Para tu ( ) à Cidade Universitária e preciso que ( ) à direita quando ( ) a ponte da

Alvarenga.

 

a) vir - vire - ver

b) vires - vires - veres

c) venhas - vires - vejas

d) vir - virar - ver

e) vires - vires – vires

 

7. (UEM-PR) Assinale toda vez que os verbos do imperativo, em cada dupla, se

referirem à mesma pessoa.

 

01. a) Enxágua a louça, mana. b) Filha, seja mais otimista!

02. a) Crede sempre no bem! b) Não digais tudo o que vem à mente.

04. a) Sigamos nosso caminho... b) Criemos nosso destino!

08.a) Papai, descola uma grana aí. b) Psiu! vem mais perto, vem.

 

8. (PUCSP) Observe os verbos dizer, rolar e varrer, assim empregados:

dizei-me

rolai

varrei

 

a) Indique em que modo e pessoa estão conjugados.

b) Mantendo o modo, conjugue os referidos verbos na 3a. pessoa do singular.

 

9. (UFRS) Substituir a expressão destacada por um verbo.

 

a) Este texto é (proveniente) de um programa teatral.

b) Somos (inclinados) a crer que ele diz a verdade.

 

10. (UNIMEP-SP) "Não fales! Não bebas! Não fujas!" Passando tudo para a forma

afirmativa, teremos:

 

a) Fala! Bebe! Foge!

b) Fala! Bebe! Fuja!

c) Fala! Beba! Fuja!

d) Fale! Beba! Fuja!

e) Fale! Bebe! Foge!

 

11. (UFV-MG) Dada a lista de verbos: ser, estar, ter, haver, continuar, permanecer, ficar,  amar, dever, partir, dar, ir, vir, dormir e arguir, distribua-os em conjugações e depois  explique o critério adotado.

 

Primeira conjugação:

Segunda conjugação:

Terceira conjugação:

 

Escreva agora o critério adotado para a distribuição dos verbos em três conjugações

distintas.

 

12. (VUNESP) Alternativa em que o verbo auxiliar destacado estiver atuando na

construção da voz passiva:

 

a) Não (haviam) preparado a mínima homenagem.

b) Os que lá se encontravam (tinham) respondido friamente à saudação dele.

c) Apanhara aquela velha revista e (começara) a folheá-la.

d) Esforçando-se para dar a entender que sua ausência não (seria) sentida.

e) Nunca, porém, (haveria) de esquecer aquela frágil armação de lona e tabique.

 

13. (VUNESP) Observe a frase abaixo:

 

A grosseria de Deus me feria e insultava-me.

 

Transcreva-a no:

 

a) pretérito perfeito do indicativo;

b) pretérito mais-que-perfeito do indicativo.

 

14. (VUNESP) "(...) mas, a quinhentos metros, tudo se torna muito reduzido: sois uma

pequena figura sem pormenores; vossas amáveis singularidades fundem-se numa

sombra neutra e vulgar."

 

Transcreva o trecho acima:

 

a) no futuro do pretérito do indicativo, mantendo a segunda pessoa do plural;

b) na segunda pessoa do singular, mantendo o modo e o tempo verbais do texto de

Cecilia Meireles.

 

15. (UFV-MG) Nos períodos de C. D. de Andrade citados abaixo, assinale a opção

em que o verbo está na voz passiva.

 

a) "E não soubemos, ah, não soubemos amá-las,

E todas sete foram mortas."

b) "E patati patatá...Sete quedas por nós passaram."

c) "Sete fantasmas, sete crimes

Dos vivos golpeando a vida Que nunca mais renascerá."

d) "Sete quedas por mim passaram E todas sete somem no ar."

e) "Aqui outrora retumbaram vozes Da natureza imaginosa, fértil

Em teatrais encenações de sonhos."

 

16. (UNIMEP-SP) "Assim eu (quereria) a minha última crônica: que (fosse) pura como

esse sorriso." (Fernando Sabino)

 

Assinale a série em que estão devidamente classificadas as formas verbais em destaque.

 

a) futuro do pretérito, presente do subjuntivo

b) pretérito mais-que-perfeito, pretérito imperfeito do subjuntivo

c) pretérito mais-que-perfeito, presente do subjuntivo

d) futuro do pretérito, imperfeito do subjuntivo

e) pretérito perfeito, futuro do pretérito

 

17. (FUVEST-SP) " () em ti, mas nem sempre () dos outros."

 

a) creias, duvides

b) crê, duvidas

c) creias, duvidas

d) creia, duvide

e) crê, duvides

 

18. (UCS-RS)

 "Não ( ) os dons que recebeste;

( ) sempre que a felicidade se ( ) aos

poucos."

 

a) esquece, lembre, constrói

b) esqueça, lembra, constrói

c) esqueça, lembre, constrói

d) esqueças, lembra, constrói

e) esqueças, lembre, constrói

 

19. (FAME/FUPAC-MG) Em: "(Sei) de uma moça... Se alguém (escrevesse) a sua

história, (diriam) como o senhor (...)", há verbos empregados respectivamente no:

 

a) presente do indicativo, pretérito imperfeito do subjuntivo, futuro do pretérito do

indicativo.

b) presente do indicativo, pretérito imperfeito do indicativo, futuro do pretérito do

indicativo.

c) presente do indicativo, pretérito imperfeito do indicativo, pretérito imperfeito do

subjuntivo.

d) presente do indicativo, futuro do pretérito do indicativo, pretérito imperfeito do

indicativo.

e) presente do indicativo, futuro do pretérito do subjuntivo, pretérito imperfeito do

subjuntivo.

 

20. (FECAP-SP) Numa das alternativas, há formas rizotônicas. Assinale-a.

 

a) virei, respeitou, estava

b) comprando, negaceou, virou

c) conto, entra, imagina

d) pensou, tossindo, fazia

e) respondi, serrar, elogiando

 

21. (UFSCar-SP) O acordo não ( ) as reivindicações, a não ser que ( ) os nossos

direitos e ( ) da luta.

 

a) substitui, abdicamos, desistimos

b) substitue, abdicamos, desistimos

c) substitui, abdiquemos, desistamos

d) substitui, abdiquemos, desistimos

e) substitue, abdiquemos, desistamos

 

22. (FUVESJ-SP) Reescreva o texto mudando o tratamento para a terceira pessoa.

"Donde houveste, ó pélago revolto, Esse rugido teu?"

 

23. (PUCC-SP) Reescreva, passando para o futuro do presente, toda a oração:

"... e somem-se logo nas trevas do esquecimento."

 

24. (FAAP-SP) Destaque os verbos dos versos que seguem, indicando em que

pessoa, tempo e modo estão.

 

"Ilumina,

Ilumina,

Ilumina,

Meu peito, canção.

Dentro dele

Mora um anjo,

Que ilumina

O meu coração.

Ai, ai, amor,

Misterioso segredo,

Entra na vida da gente, Iluminando..."

 

25. (FGV-SP) A segunda pessoa do singular do imperativo do verbo submergir:

 

a) submerja

b) submerjas

c) submerge

d) n.d.a.

 

26. (F. C. Chagas-SP) Para que você (  ) isso, precisa ser ambicioso; quem (  ) sem

que (  ), certamente é ambicioso.

 

a) deseja, deseja, estima

b) deseje, deseja, estime

c) deseje, deseja, estima

d) deseja, deseje, estime

e) deseje, deseje, estima

 

27. (UFMG) Qual dos verbos destacados não se acha no infinitivo?

 

a) Os avós devem (ter-se modernizado) também.

b) A ideia de (ser montado) - e por mim -não era das mais aprazíveis.

c) Estranho apartamento, se (juntarmos), em sua representação, os móveis modernos aos

objetos remotos.

d) Um desejo de nos (pacificarmos), de (atingirmos) a bondade e a compreensão, nos

tornava indiferentes à matéria cotidiana.

e) Luís engoliu o pão com geléia como se fosse o último alimento sobre a terra, e sua

salvação dependesse de (tê-lo ingerido).

 

28. (UFF-Rj) Assinale a série em que estão devidamente classificadas as formas verbais

em destaque: "Ao chegar da fazenda, espero que já tenha terminado a festa".

 

a) futuro do subjuntivo, pretérito perfeito do indicativo

b) infinitivo, presente do subjuntivo

c) futuro do subjuntivo, presente do subjuntivo

d) infinitivo, pretérito imperfeito do subjuntivo

e) infinitivo, pretérito perfeito do subjuntivo

29. (Univ. Alfenas-MG) Mesmo que nós ( ), não conseguiríamos que eles ( ) os papéis

que os chefes ( ) em segredo.

 

a) interviéssemos, requeressem, mantêm

b) intervissemos, requeressem, mantém

c) interviéssemos, requisessem, mantêm

d) intervissemos, requisessem, mantém

e) interviéssemos, requeressem, mantêem

 

30. (Univ. Alfenas-MG) Assinale a alternativa que contém a forma correta dos verbos

medir, valer, caber e datilografar, na primeira pessoa do singular do presente do

indicativo, pela ordem.

 

a) meço, valo, cabo, datilógrafo

b) meço, valho, caibo, datilografo

c) mido, valo, caibo, datilógrafo

d) mido, valho, caibo, datilografo

e) meço, valho, caibo, datilógrafo

 

31. (Fac. Santo André-SP) Dentre as frases abaixo, assinale a que apresentar erro na

flexão dos verbos.

 

a) Ele não creu em nenhuma das histórias contadas por nós.

b) Quando eu vir seu pai, avisá-lo-ei sobre a dívida.

c) Será muito melhor para todos, se você manter a calma.

d) Eles intervieram em nossa disputa, depois de um tempo.

e) Assim que puserdes a roupa no armário, poderemos sair.

 

32. (UFRPE/UFPE) Relacione as frases cujos verbos destacados estão no mesmo

tempo, modo e pessoa gramatical.

 

1) Que todo homem é um diabo não há mulher que o (negue).

2) (Vem), eu te farei da minha vida participar.

3) (Ide) em paz, o Senhor vos acompanhe.

4) Estou preso à vida e (olho) meus companheiros.

5) Tu não me (tiraste) a natureza...

 

(  ) (Cala) essa canção soturna.

(  ) (interrogai)-as agora que os reis tremem no seu trono.

(  ) (Debruço)-me na grade da banca e respiro penosamente.

(  ) (Trouxeste)-a para o pé de mim

(  ) Mesmo assim elas procuram o diabo que as (carregue)

 

A sequência correta é:

 

a) 3, 2, 4, 5,e1.

b) 4, 3, 2,1 e 5.

c) 5,1, 4, 2 e 3.

d) 1, 4, 5, 3e 2.

e) 2, 3, 4, 5 e 1.

 

33. (Univ. Alfenas-MG) Assinale a alternativa que o verbo está conjugado de forma

correta na norma culta

 

a) O juiz não interviu no resultado do jogo.

b) Só um jogador manteu a calma na confusão.

c) Quando seu pai ver seu boletim, vai ficar alegre.

d) Eu requeri transferência para outra escola.

e) Quando ela vir de São Paulo e ver você, vai gostar.

 

34. (ACAFE-SC) Corrija a frase. Depois, justifique.

 

Eles não reaveram os seus bens.

 

35. (ACAFE-SC) Somente uma das opções está incorreta. Assinale-a:

 

a) leio - lês - lê - lemos - ledes - leem

b) valho vales - vale - valemos - valeis- valem

c) venho - vens - vem - vimos - vindes - vem

d) vou - vais - vai - vamos - ides - vão

e) divirjo - diverges - diverge - divergimos - divergides – divergem

 

36. (ITA-SP) Assinale o item em que as formas dos verbos trazer, ser, pôr e ir

correspondam ao seguinte exemplo: "Preferir, prefere!"

 

a) tragas!, sejas!, ponhas!, vás!

b) trazei!, sede!, pondes!, ide!

c) traga!, se!, ponha!, vá!

d) traze!, sê!, põe! vá!

e) traga!, seja!, ponha!, vai!

 

37. (PUCC-SP) Assinale a alternativa em que os verbos estejam correta e

adequadamente empregados.

 

a) Quando você o vir, dize-lhe que já demos nossa contribuição, para que sirva-mos de

exemplo a todos.

b) Quando você o ver, diz-lhe que já demos nossa contribuição, para que sirvamos de

exemplo a todos.

c) Quando você o ver, diga-lhe que já demos nossa contribuição, para que sirvamos de

exemplo a todos.

d) Quando você o vir, diga-lhe que já demos nossa contribuição, para que sirvamos de

exemplo a todos.

e) Quando você o vir, diz-lhe que já demos nossa contribuição para que servimos de

exemplo a todos.

 

38. (PUCC-SP) Assinale a alternativa em que os verbos estão correta e adequadamente

empregados.

 

a) Para que possamos discutir tudo com calma, pretendo vir às cinco horas, a não ser

que não dê para sair em tempo e tenha de deixar nosso encontro para mais tarde.

b) Quero que vocês tentam novamente e progridam nesses estudos, para que

comprovamos a validade dessa nova teoria.

c) Se supormos que eles desistem do empreendimento na hora da decisão final, talvez

devemos providenciar outros profissionais que estejam realmente interessados.o:p>

d) Será que existem cientistas que retêm o segredo que fará com que, numa bela manhã,

acordamos sem a ameaça da guerra atômica?

e) Quando eles proporem o acordo que tanto aguardamos, é necessário que nos

comprometemos a cumprir nossa parte.

 

39. (PUCSP-adaptada) Conjugue os verbos conforme se pede nos parênteses e assinale a

alternativa que preencha, pela ordem, corretamente as lacunas abaixo.

 

1. Todos (  ) sangue no ar. (verbo ver - presente do indicativo)

2. Quando você (  ) um desastre como este, ficará aterrorizado. (verbo ver - futuro

do subjuntivo)

3. As moças, adormecidas na cabine, (  ) dormindo. (verbo vir - presente do indicativo)

4. Quando você (  ) aqui, ainda encontrará marcas do desastre. (verbo vir - futuro do

subjuntivo)

 

 

a) vêem, ver, vêm, vier

b) vêm, ver, vem, vir

c) veem, vir, vêm, vir

d) vêm, ver, virão, vir

e) vêem, vir, vêm, vier

 

40. (PUCSP) Em relação aos versos:

 

"És, a um tempo, esplendor e sepultura:"

"Que tens o trom e o silvo da procela" e

"Em que da voz materna ouvi: meu filho.",

 

se substituirmos os verbos destacados pelo presente do subjuntivo, teremos:

 

a) sejas, tenhas, ouças.

b) serias, terias, ouvirias.

c) sejais, tenhais, ouçais.

d) fores, tiveres, ouvires.

e) fôreis, tivéreis, ouvíreis.

 

41. (UNIMEP-SP) Alguns verbos apresentam irregularidades no radical da 1a. pessoa do singular do indicativo presente. A alternativa que contém as formas verbais corretas é:

 

a) requeiro (requerer), ouço (ouvir), valho (valer)

b) digo (dizer), medo (medir), trago (trazer)

c) meço (medir), digo (dizer), perdo (perder)

d) caibo (caber), perco (perder), requero (requerer)

e) posso (poder), cabo (caber), valo (valer)

 

42. (UNIMEP-SP) Quando você o (  ), (  )-lhe que eu já (  ) os livros que me haviam

roubado.

 

A alternativa que preenche corretamente as lacunas é:

 

a) vir, diga, reouve

b) vir, diz, reouve

c) ver, diga, reavi

d) ver, diz, reouve

e) ver, dize, reavi

 

43. (UNICAMP-SP) Nas suas aulas de gramática, você deve ter estudado a conjugação

dos verbos irregulares. Esse conhecimento é necessário na escrita padrão. Nos trechos

abaixo encontram-se formas verbais inadequadas:

 

I (Os astecas) não só conheciam o banho de vapor, tão prezado na Europa, como

mantiam o hábito de banhar-se diariamente. (Superinteressante, out. 1992)

II. Um grupo de defesa dos direitos civis ameaçou intervir se o juiz Mike Mc Spaden ir

adiante com seu plano de aprovar o pedido de castração. (Folha de S.Paulo, 13 fev.

1992)

 

a) Identifique as formas verbais inadequadas.

b) Que formas deveriam ter sido empregadas?

c) Como se poderia explicar a ocorrência das formas inadequadas nos trechos

acima?

 

44. (UFV-MG) Segundo o exemplo, assinale a alternativa correta:

 

Jogar? jogai vós.

 

Faça o mesmo Com os verbos: trazer, tragar, ir, ler.

 

a) trazei, tragai, ide, lede

b) tragam, traguem, vão, leiam

c) trazeis, tragais, ides, ledes

d) tragais, tragueis, vades, leiais

e) traze, traga, vão, leia

 

45. (UEL-PR) Requeiro a dispensa de taxa concedida aos que (  ), como eu, os bens

que (  ).

a) reouveram, pleiteiaram

b) reaveram, pleiteiaram

c) rehouveram, pleiteiaram

d) reouveram, pleitearam

e) rehaveram, pleitearam

 

46. (UNICAMP-SP) No texto abaixo, ocorre uma forma que é inadequada em

contextos formais, especialmente na escrita.

 

“Trombada

Lula e Meneguelli divergem sobre o pacto. Concordam em negociar, mas Lula só

aprova um acordo se o governo retirar a medida provisória dos salários, suspender os

vetos à lei da Previdência e repor perdas salariais”. (Painel, Folha de Paulo, 21 set. 1990)

 

a) Identifique essa forma e reescreva o trecho em que ocorre, de modo a adequá-lo à

modalidade escrita.

b) Como se poderia explicar a ocorrência de tal forma (e outras semelhantes), dado que

os falantes não "inventam" formas linguísticas sem alguma motivação?

 

47. (UEL-PR) Ainda que vários fatores (  ) a seu favor, estava claro que ele não (  ) as

consequências que (  ) de seu impensado gesto.

 

a) intervissem, previra, adveriam

b) interviessem, prevera, adviriam

c) intervissem, prevera, adviriam

d) intervissem, prevera, adveriam

e) interviessem, previra, adviriam

 

48. (UEL-PR) Os ouvintes (  )-se de opinar, temendo que se ( ) as críticas e os ânimos

não se (  )

 

a) absteram, mantivessem, refazessem

b) absteram, mantessem, refizessem

c) abstiveram, mantivessem, refizessem

d) absteram, mantessem, refazessem

e) abstiveram, mantessem, refizessem

 

49. (FUVESJ-SP) Assinale a alternativa que preenche corretamente as lacunas:

 

Não (  ) cerimônia, (  ) que a casa é (  ), e (  ) à vontade.

 

a) faças, entre, tua, fique

b) faça, entre, sua, fique

c) faças, entra, sua, fica

d) faz, entra, tua, fica

e) faça, entra, tua, fique

 

50. (FATEC-SP) Aponte o emprego errado do verbo destacado.

 

a) Se a resposta (condissesse) com a pergunta...

b) Poucos (reaveram) o que arriscaram em jogos.

c) Não que não (antepuséssemos) alguém a você.

d) Não tenha dúvida, (refaremos) tantas vezes quantas forem necessárias.

e) Se não nos (virmos) mais... tenha boas férias.

 

51. (CESGRANRIO-RJ) Assinale o período em que aparece uma forma verbal

incorretamente empregada com relação à norma culta da língua.

 

a) Se o compadre trouxesse a rabeca, a gente do oficio ficaria exultante.

b) Quando verem o Leonardo, ficarão surpresos com os trajes que usava.

c) Leonardo propusera que se dançasse o minueto da corte.

d) Se o Leonardo quiser, a festa terá ares aristocráticos.

e) O Leonardo não interveio na decisão da escolha do padrinho do filho.

 

52. (FUVEST-SP) Assinale a alternativa em que uma forma verbal foi empregada

incorretamente.

 

a) O superior interveio na discussão, evitando a briga.

b) Se a testemunha depor favoravelmente, o réu será absolvido.

c) Quando eu reouver o dinheiro, pagarei a dívida.

d) Quando você vir Campinas, ficará extasiado.

e) Ele trará o filho, se vier a São Paulo.

 

53. (F. C. Chagas-adaptada) Não te ( ) com essas mentiras que ( ) da ignorância.

 

a) aborreces, provêem

b) aborreça, provém

c) aborreças, provêm

d) aborreça, proveem

e) aborreças, provém

 

54. (CESESP-PE) Assinale a alternativa que estiver incorreta quanto à flexão dos

verbos.

 

a) Ele teria pena de mim se aqui viesse e visse o meu estado.

b) Paulo não intervém em casos que requeiram profunda atenção.

c) O que nós propomos a ti, sinceramente, convém-te.

d) Se eles reouverem suas forças, obterão boas vitórias.

e) Não se premiam os fracos que só obteram derrotas.

 

55. (FCMPA-MG) Complete as lacunas com os verbos (intervir) e (deter) no pretérito

perfeito do indicativo.

 

A polícia (  ) no assalto e (  ) os ladrões.

 

56. (FUVEST-SP) Reescreva as frases abaixo, substituindo convenientemente as formas

verbais destacadas pelos verbos colocados entre parênteses.

 

a) Se você se (colocasse) em meu lugar, perceberia melhor o problema. (pôr)

b) Quando (descobrirem) o logro em que caíram, ficarão furiosos. (ver)

 

57. (FUVEST-SP) Reescreva as frases abaixo, obedecendo ao modelo: "Se ele voltou

cedo, eu também voltei."/"Se ele voltar cedo, eu também voltarei."

 

a) Se ele viu o filme, eu também vi.

b) Se tu te dispuseste, eu também me dispus.

 

58.(UCS-RS) Assinale a alternativa que preenche corretamente as lacunas:

 

Se tudo (  ) conforme ele (  ), o trabalho já (  ).

 

a) for feito, preveu, vai ser concluído

b) fosse feito, prevera, teria sido concluído

c) é feito, preveu, estaria pronto

d) tivesse sido feito, havia previsto, estaria concluído

e) tiver sido feito, preverá, será concluído

 

59. (FGV-SP) ( ), homem ( ) criatura que me deixe, que ( ).

 

a) corre, dize, se não aflija

b) corra, diz, se não aflija

c) corre, dize, não aflija-se

d) corra, diz, não se aflija

e) corre, dizei, não aflija

 

60. (FCMSCSP) Nas alternativas estão as flexões do imperativo de cinco verbos.

 

Assinale a alternativa em que há erro.

 

a) saber: sabe/saiba/saibamos/sabei/saibam

b) ver: vê/vide/vejamos/vejais/vejam

c) ir: vai/vá/vamos/ide/vão

d) ouvir: ouve/ouça/ouçamos/ouvi/ouçam

e) valer: vale/valha/valhamos/valei/valham

 

61. (FEI-SP) Na expressão "Deus te favoreça", substitua o verbo favorecer por:

 

a) abençoar

b) ouvir

c) proteger

 

62. (FCMSCSP) Assinale a alternativa correta quanto ao uso de verbos abundantes.

 

a) Por haver aceitado as normas, o candidato foi aceito na Faculdade.

b) Por haver morto o passarinho, o menino chorou. Realmente, o bicho estava bem

morto.

c) Foi elegido pelas mulheres apesar de haver eleito a maioria dos homens.

d) O pastor tinha emergido os crentes depois de ter emergido ele mesmo pelo bispo. Era

emersão que não acabava mais.

e) Todos os casos serão omitidos da pauta tal como você já tivera omisso os seus casos

ontem.

 

63.  (IMES-SP) Assinale a alternativa que corresponde ao que se pede:

 

- verbo ver - 3a. pessoa do singular do pretérito mais-que-perfeito do indicativo

- verbo ser - 3a. pessoa do singular do presente do subjuntivo

- verbo haver - 3a. pessoa do singular do pretérito perfeito do indicativo

- verbo vir - 2a. pessoa do singular do imperativo afirmativo

 

a) vera, seja, houve, vem

b) vera, seja, havi, venha

c) vira, seja, houve, vem

d) vira, seje, houve, venha

e) vira, seje, havi, vem

 

64. (F. C. Chagas-SP) Ele ( ) que lhe ( ) muitas dificuldades, mas enfim ( ) a verba para

a pesquisa.

 

a) receara, opusessem, obtera

b) receara, opusessem, obtivera

c) receiara, opossem, obtivera

d) receiara, opossem, obtera

e) receara, opossem, obtera

 

65. (F. C. Chagas-SP) Caso ( ) realmente interessado, ele não ( ) de faltar.

 

a) estiver, haja

b) esteja, houve

c) estivesse, houvesse

d) estivesse, havia

e) estiver, houver

 

66. (Fundação Lusíada) Assinale a alternativa que se encaixe no período seguinte:

 

"Se você (  ) e o seu irmão (  ), quem sabe você (  ) o dinheiro."

 

a) requeresse, interviesse, reouvesse

b) requisesse, intervisse, reavesse

c) requeresse, intervisse, reavesse

d) requeresse, interviesse, reavesse

e) requisesse, intervisse, reouvesse

 

67. (UFMG) Em qual dos períodos abaixo há incorreção no uso de formas verbais,

de acordo com as regras da gramática normativa?

 

a) Sugira o que lhe aprouver; só nos absteremos de lutar quando virmos que todos os

recursos foram esgotados.

b) Todos aqueles que vêem o espetáculo voltam novamente; só não vem quem não tem

dinheiro.

c) Detive-me à frente deles e intervi na discussão que já se estava tornando séria.

d) Se dispuserem de algum tempo, entretenham-se a caminhar por aqueles bosques e

satisfarão toda a sua nostalgia de infância.

e) Se nos desfizéssemos de nossos poucos pertences, não teríamos como enfrentar os

rigores do inverno.

 

68. (F. C. Chagas-SP) Quem (  ) o Pedro, ou pelo menos (  ) falar com ele, (  )-o em meu

nome.

 

a) ver, poder, advirta

b) vir, puder, adverta

c) vir, puder, advirta

d) ver, puder, adverta

e) vir, poder, adverta

 

69. (F. C. Chagas-SP) Sem que ninguém tivesse ( ), o próprio menino ( )-se contra os

falsos amigos.

 

a) intervindo, precaviu

b) intervindo, precaveio

c) intervido, precaveu

d) intervido, precaveio

e) intervindo, precaveu

 

70. (UM-SP) Assinale a alternativa em que não há erro na forma verbal.

 

a) Minha mãe hesitou; tu não hesitastes.

b) Esta página vale por meses; quero que valha para sempre.

c) Tu tiveste dezessete anos; vós tivesteis sempre a mesma idade.

d) A análise das minhas emoções é que entrava no meu plano, vós não entrávais.

e) Achavam-me lindo e diziam-mo; achavais-me lindo e dizieis-mo.

 

71. (FMIt-adaptada) Em que frase a forma verbal não está flexionada corretamente?

 

a) Eu águo as flores que sua mãe planta.

b) Ninguém creu no que ela declarou.

c) Se pores tudo em ordem, ficarei satisfeito.

d) Foi aos gritos que ela interveio na discussão.

e) Eu moo o grão, você depois faz o pão.

 

72. (UFE-RJ) Das frases que seguem, uma traz errado emprego de forma verbal.

Assinale-a.

 

a) Cumpre teus deveres e terás a consciência tranquila.

b) Suporta-se com paciência a cólica do próximo.

c) Nada do que se possui com gosto se perde sem desconsolação.

d) Não voltes atrás, pois é fraqueza desistir-se da coisa começada.

e) Dizia Rui Barbosa: "Fazei o que vos manda a consciência, e não fazei o que vos

convém aos apetites."

 

73. (FUVEST-SP)

 

"Ao trazer a discussão para o campo jurídico, o antigo magistrado

(tentou) amenizar o que (dissera); a rigor, no entanto, suscitou dúvidas cruéis: que quer

dizer 'por sua própria força'? (Será) a força física do posseiro, ou essa mais aquela que a

ela se soma pelo emprego de armas?"

 

Observando no texto as formas verbais destacadas, é correto concluir que:

 

a) tentou denota evento contemporâneo de dissera.

b) dissera situa o evento em ponto do tempo anterior a (tentou).

c) (será) indica evento imediatamente posterior a (tentou).

d) (soma) situa o evento referido no mesmo ponto do tempo indicado em (será).

e) (dissera) descreve o quadro em que ocorrem os eventos denotados pelas

demais formas.

 

74. (FUVEST-SP)

 

"( ) O antropólogo Claude Lévi-Strauss detestou a Baía de Guanabara .

Pareceu-lhe uma boca banguela.

E eu, menos a conhecera mais a amara?

Sou cego de tanto vê-la, de tanto tê-la estrela

O que é uma coisa bela?"

(Caetano Veloso, O estrangeiro.)

 

a) Na linguagem literária, muitas vezes, o mais-que-perfeito do indicativo substitui

outras formas verbais, como no verso: "E eu, menos a conhecera mais a amara?".

Reescreva-o, usando as formas que o mais-que-perfeito substituiu.

b) Tanto (sou) como (é) são formas de presente do indicativo. Apesar disso, a visão de

tempo que elas transmitem não é a mesma em uma e outra. Em que consiste essa

diferença?

 

75. (FUVEST-SP) "Por onde passava, ficava um fermento de desassossego, os homens

não reconheciam as suas mulheres, que subitamente se punham a olhar para eles, com

pena de que não tivessem desaparecido, para enfim poderem procurá-los. Mas esses

mesmos homens perguntavam, lá se foi, com uma inexplicável tristeza no coração, e se

lhes respondiam, Ainda anda por aí, tornavam a sair com a esperança de a encontrar

naquele bosque, na seara alta, banhando os pés no rio ou despindo-se atrás dum

canavial, tanto fazia, que do vulto só os olhos gozavam, entre a mão e o fruto há um

espigão de ferro, felizmente ninguém mais teve de morrer."

(José Saramago, Memorial do convento.)

 

Nesta narrativa, o emprego predominante do imperfeito do indicativo visa a:

 

a) destacar os elementos descritivos inseridos, trazendo-os para o primeiro plano.

b) apresentar a peregrinação de Blimunda como um fenômeno dinâmico e continuo.

c) desenhar como pano de fundo os traços de cenário em que decorre a ação.

d) marcar o tom dissertativo, em contraposição ao tom descritivo dos trechos em que

ocorre o perfeito.

e) levar a entender Blimunda como personagem consciente do decorrer do tempo.

 

76. (FUVEST-SP)

"Folha - De todos os ditados envolvendo o seu nome, qual o que mais lhe agrada?

Satã - O diabo ri por último.

Folha - Riu por último.

Satã - Se é por último, o verbo não pode vir no passado."

(O inimigo cósmico. Folha de S.Paulo, 3 set. 1995.)

 

Rejeitando a correção ao ditado, Satã mostra ter usado o presente do indicativo com o

mesmo valor que tem em:

 

a) Romário recebe a bola e chuta. Gooool!

b) D. Pedro, indignado, ergue a espada e dá o brado de independência.

c) Todo dia ela faz tudo sempre igual...

d) O quadrado da hipotenusa é igual à soma dos quadrados dos catetos.

e) Uma manhã destas, Jacinto, apareço no 202 para almoçar contigo.

 

77. (FUVEST-SP) Considerando a necessidade de correlação entre tempos e modos

verbais, assinale a alternativa em que ela foge às normas da língua escrita padrão.

 

a) A redação de um documento (exige) que a pessoa (conheça) uma fraseologia

complexa e arcaizante.

b) Para alguns professores, o ensino de língua portuguesa será sempre melhor, se

(houver) domínio das regras de sintaxe.

c) O ensino de Português (tornou-se) mais dinâmico depois que textos de autores

modernos (foram introduzidos) no currículo.

d) O ensino de Português já (sofrera) profundas modificações, quando se (organizou)

um Simpósio Nacional para discutir o assunto.

e) Não (fora) a coerção exercida pelos defensores do purismo linguistico, todos

(teremos) liberdade de expressão.

 

78. (FUVEST-SP) "Eles pediram que a Petrobrás garanta que não haverá inquéritos

administrativos contra os grevistas." (Folha de S.Paulo, 3 jun. 1995.)

 

a) Redija a frase acima de duas maneiras diferentes, situando o pedido referido em duas

perspectivas diversas, conforme o início dado:

 

I. Eles haviam pedido que a Petrobrás...

II. Se eles tivessem pedido, a Petrobrás...

 

b) Cada nova frase irá permitir uma interpretação diferente, em relação à atitude dos que

pedem e à atitude da Petrobrás. Exponha as interpretações, indicando o mecanismo

gramatical que leva a cada uma delas.

 

79. (UNICAMP-SP) Publicadas à exata distância de um século pelo jornal O Estado de

S. Paulo, as duas notícias transcritas a seguir têm em comum o fato de se referirem a

catástrofes provocadas pelo mau tempo. No momento de sua publicação, as duas

notícias se referiam a acontecimentos recentes, mas os recursos gramaticais empregados

para expressar passado recente diferem de uma notícia para a outra.

 

29/11/1895: Constantinopla - Tem havido no Mar Negro grande tempestade,

naufragando grande número de embarcações. Até agora o mar tem arrojado à praia mais

de 80 cadáveres, que estão sendo recolhidos. (Há um século. O Estado de S. Paulo.)

 

29/11/1995: Campinas- Um tornado com ventos de 180 quilômetros por hora destruiu

anteontem a cobertura do ginásio multidisciplinar da Universidade Estadual de

Campinas(...)

O Tornado rompeu presilhas de aço de uma polegada de espessura. Ele levantou e

retorceu a estrutura do telhado, também de aço, de 100 metros de extensão e 200

toneladas. (...) Dez árvores foram arrancadas com a raiz e os ventos arremessaram longe

vidros da Biblioteca Central.  (Tornado provoca destruição na Unicamp. O Estado de S. Paulo.)

 

a) Transcreva, das duas notícias, as expressões que situam os fatos relatados no passado.

b) Como seria redigida, hoje, a primeira notícia?

 

c) Redija uma continuação para uma notícia escrita hoje, que começasse por "Tem

havido no Mar Negro

 

80.  (CEFET-PR) "Sê propícia para mim,

socorre quem te (adorara),

se adorar (pudera)."

(Alphonsus de Guimaraens)

 

As formas verbais acima destacadas correspondem a:

 

a) adorará, podia.

b) adorasse, puder.

c) adorava, poderá.

d) adoraria, pudesse.

e) adorar, puder.

 

81. (FUVEST-SP) "Se eu (convencesse) Madalena de que ela não tem razão... Se lhe

explicasse que (é) necessário vivermos em paz... Não me (entende). Não nos

entendemos. O que vai acontecer (será) muito diferente do que (esperamos)."

 

No trecho acima, a personagem reflete sobre fatos presentes. Se ela os colocasse no

passado, como ficariam os verbos destacados?

 

a) tivesse convencido - foi - entendeu - seria - esperaríamos

b) convencesse - seria - entendia - será - esperássemos

c) convencesse - era - entenderia - seria - esperávamos

d) convencia - era - entendia - seria - esperávamos

e) tivesse convencido - era - entendia - seria – esperávamos

 

82. (FUVEST-SP) "(Ficam) desde já excluídos os sonhadores, os que (amem) o mistério

e (procurem) justamente esta ocasião de comprar um bilhete na loteria da vida."

 

Se a primeira frase fosse volitiva, e o segundo e terceiro verbos destacados conotassem

ação no plano da realidade, teríamos, respectivamente, as seguintes formas verbais:

 

a) fiquem, amassem, procurassem.

b) ficavam, tenham amado, tenham procurado.

c) ficariam, amariam, procurariam.

d) fiquem, amam, procuram.

e) ficariam, tivessem amado, tivessem procurado.

 

83. (FUVEST-SP) "... e a flor de milho não será a mais linda."

 

a) Explique o valor do futuro do presente nessa frase. Reescreva-a substituindo a forma

verbal por uma expressão equivalente.

 

b) Lembre dois outros empregos do futuro do presente. Dê exemplos e esclareça o valor

de cada um deles.

 

84. (UFGO) No modo indicativo há três tempos simples que indicam passado: o

pretérito perfeito, o pretérito imperfeito e o pretérito mais-que-perfeito.

 

Redija uma frase para cada um desses tempos verbais do pretérito, explicando seu

emprego.

 

85. (UNIMEP-SP) Assinale a alternativa em que a oração destacada indica que um

fato é anterior a outro em relação ao momento em que o emissor fala.

 

a) Assim que tomar banho, (vou-me deitar).

b) Caso você o encontre, (dê-lhe minhas lembranças).

c) Quando cheguei, (todos já haviam saído).

d) Se você quiser, (irei ao seu escritório).

e) Enquanto trabalhava, (cantava).

 

86. (VUNESP) Alternativa cuja forma verbal destacada exprime futuridade com relação

ao tempo passado em que se situam as ações narradas:

 

a) "( ) contemplou o lugar onde tantas vezes se (aprestara) para os seus breves triunfos

no trapézio."

b) "a despedida iminente, só ele (sentia)."

c) "Em algum ponto do corpo ou da alma, doía-lhe (ver) o lugar do qual se

despedia ( )"

d) "No dia seguinte, (desarmariam) o Circo..."

e) "( ) os que lá se encontravam tinham respondido friamente à saudação dele,

como se (fizessem) um favor."

 

87. (UFMG) Em todas as alternativas, a lacuna pode ser preenchida com o verbo

indicado entre parênteses, no subjuntivo, exceto em:

 

a) Olhou para o cão, enquanto esperava que lhe ( ) a porta. (abrir)

b) Por que foi que aquela criatura não ( ) com franqueza? (proceder)

c) É preciso que uma pessoa se ( ) para encurtar a despesa. (trancar)

d) Deixa de luxo, minha filha, será o que Deus ( ) (querer)

e) Se isso me ( ) possível, procuraria a roupa. (ser)

 

88. (E. C. Chagas-SP) Mesmo que você lhe ( ) um acordo amigável, ele não ( )

 

a) proponha, aceitará

b) propor, aceitava

c) proporia, aceitaria

d) proporá, aceitará

e) propôs, aceitava

 

89. (FUEL-PR) Pode ser que eu ( ) levar as provas, se você ( ) tudo para que eu ( )

onde estão.

 

a) consiga, fará, descobriria

b) consiga, fizer, descubra

c) consigo, fizer, descobrir

d) consigo, fizer, descubro

e) consigo, fará, descobrirei

 

90. (CESGRAN RIO-RJ) Não há a devida correlação temporal das formas verbais em:

 

a) Seria conveniente que o leitor ficasse sem saber quem era Miss Dollar.

b) É conveniente que o leitor ficaria sem saber quem é Miss Dollar.

c) Era conveniente que o leitor ficasse sem saber quem foi Miss Dollar.

d) Será conveniente que o leitor fique sem saber quem é Miss Dollar.

e) Foi conveniente que o leitor ficasse sem saber quem era Miss Dollar.

 

91. (IMES-SP) Tempo verbal que expressa um fato anterior a outro acontecimento que

também é passado:

 

a) pretérito imperfeito do indicativo

b) pretérito imperfeito do subjuntivo

c) pretérito perfeito do indicativo

d) pretérito mais-que-perfeito do indicativo

e) futuro do pretérito do indicativo

 

92. (CESGRANRIO-RJ) Assinale a opção em que a forma verbal não tem valor

imperativo.

 

a) Lança teu grito ao vento da procela.

b) Bandeira - talvez rasgue-te a metralha.

c) Ergue-te ó luz! estrela para o povo.

d) Traze a bênção de Deus ao cativeiro.

e) Levanta a Deus do cativeiro o grito!

 

93. (F. C. Chagas-SP) É possível que ( ) novidades interessantes, que ( ) e ( ) ao

mesmo tempo.

 

a) surjam, divertem, instruam

b) surjam, divirtam, instruam

c) surjam, divirtam, instruem

d) surgem, divertem, instruem

e) surgem, divirtam, instruem

 

94. (FEI-SP) Com relação à frase: "Todos perceberam que João Fanhoso dera rebate

falso.", responda:

 

a) em que tempo está a forma verbal (dera)?

 

b) como se justifica o seu emprego?

 

95. (CESGRANRIO-RJ) Assinale a opção que completa corretamente as lacunas da

seguinte frase: "Quando ( ) mais aperfeiçoado, o computador certamente ( ) um

eficiente meio de controle de toda a vida social."

 

a) estivesse, será

b) estiver, seria

c) esteja, era

d) estivesse, era

e) estiver, será

 

96. (FCMSCSP) Se eu conseguir ( ) as pessoas no lugar assim que elas ( ), tudo

estará em ordem.

 

a) manter, chegarão

b) manter, cheguem

c) mantiver, chegarem

d) manter, chegariam

e) mantiver, chegam

 

97. (FCMSCSP) Não ( ) preguiçoso: ( ) os livros nessa mesa e ( ) logo recomeçar o

trabalho.

 

a) sê, ponha, vem

b) sê, põe, venha

c) sejas, põe, vem

d) sejas, ponha, venha

e) seja, põe, vens

 

98. (PUCC-SP) Preencha as lacunas com os verbos vir, ver (futuro do subjuntivo) e

entregar (futuro do indicativo).

 

a) Se eu ( ) e ( ) Mário, ( ) o livro a ele.

b) Se tu ( ) e ( ) Mário, ( ) o livro a ele.

c) Se ele ( ) e ( ) Mário, ( ) o livro a ele.

d) Se nós ( ) e ( ) Mário, ( ) o livro a ele.

e) Se vós ( ) e ( ) Mário, ( ) o livro a ele.

f) Se eles ( ) e ( ) Mário, ( ) o livro a ele.

 

99. (UFMG) Qual o valor do futuro do pretérito na frase seguinte: "Quando chegamos ao colégio, em 1916, a cidade teria apenas cinquenta mil habitantes."?

(Contos de aprendiz, p. 23.)

 

a) fato futuro, anterior a outro futuro

b) fato futuro, relacionado com o passado

c) suposição, relativamente a um momento do futuro

d) suposição, relativamente a um momento do passado

e) configuração de um fato já passado

 

100. (MAPOFEI-SP)

 

I. Empregar o verbo da subordinada de conformidade com as exigências da principal,

nas frases que seguem:

 

a) Duvido que eles (vir) hoje; afirmo-te, porém, que eles (vir) amanhã.

b) Saí, conquanto eu (estar) doente.

c) Ela se alegrará quando (ver) as cores de novo.

d) Caso (estar) lá amanhã, e (poder) vê-lo, chama-o.

 

II. Pôr os verbos seguintes no presente do subjuntivo começando as frases com as

palavras "É preciso que nós":

 

a) nascer

b) ver

c) divertir-se

d) cantar

e) querer

f) dormir

g) instruir-se

h) saber

i) crer

j)descer

l) envelhecer

m) morrer

 

101. (UM-SP) Que alternativa contém as palavras adequadas para o preenchimento das

lacunas?

 

Ao lugar de onde eles ( ), ( ) diversas romarias.

 

a) provém, afluem

b) provêm, aflue

c) provêm, aflui

d) provêem, afluem

e) provêm, afluem

 

102. (AMAN-RJ) Há uma frase com incorreção de flexão verbal. Assinale-a.

 

a) É preciso que nos penteamos bem para a cerimônia.

b) Convém que vades ver vosso pai doente.

c) Ele freou o carro bem perto da criança que corria.

d) Desavieram-se os dois amigos, ante a vitória do Corinthians.

e) Todas as frases acima estão incorretas.

 

103. (ITA-SP) Assinale o caso em que o verbo es tiver empregado corretamente:

 

a) Se você não requiser a tempo, perderá a inscrição.

b) Circundemos todo o quarteirão e não o encontramos.

c) São soluções por que todos ansiam.

d) Ainda que me tivesse abstido de ir, de que adiantaria?

e) Atenhai-vos ao que vos for pedido.

 

104. (ITA-SP) Assinale o caso em que o verbo destacado estiver correto:

 

a) Eu me precavo deve ser substituído por eu me (precavejo).

b) Eu me (precavenho) contra os dias de chuva.

c) Eu (reavi) o que perdera há dois anos.

d) Problemas graves me reteram no escritório.

e) Nenhuma das frases é correta.

 

105. (ITA-SP) Assinale o caso em que o verbo estiver empregado corretamente:

 

a) Foram eles que não susteram o peso; faltou-lhes equilíbrio.

b) Quando o ver, avise-me, por obséquio.

c) Se voc6e não prover, quem proverá?

d) Quando advir o que previ, dar-me-ás razão.

e) Ainda que provejeis agora, será bastante tarde.

 

106. (FUVEST-SP) Escreva na folha de respostas as formas dos verbos

indicados que preencham corretamente as lacunas:

 

a) Quando eu ( ) os livros, nunca mais os emprestarei. (reaver)

b) Os alienados sempre ( ) neutros. (manter-se)

c) As provas que ( ) mais erros seriam comentadas. (conter)

d) Quando ele ( ) uma canção de paz, poderá descansar. (compor)

 

107. (F. C. Chagas-SP) Se você vem para apoiá-lo, não ( ) por outra razão; já que ele

( ) no caso, os amigos não se ( ).

 

a) viemos, interveio, desaviram

b) vimos, interveio, desavieram

c) vimos, interviu, desavieram

d) viemos, interviu, desouveram

e) viemos, interveiu, desouveram

 

108. (F. C. Chagas-SP) Os sentimentos altruístas ( ) e ( ) a aperfeiçoar-se, à medida que

o homem se ( ) tornando um ser social.

 

a) nasceram, continuarão, foi

b) nasceram, continuaram, for

c) nascem, continuam, vai

d) nascem, continuam, foi

e) nasceram, continuam, ia

 

109. (F. C. Chagas) Se eu ( ) isso, se ( ) os meus direitos, não ( ) que me desafiem

novamente.

 

a) quiser, requerer, consentirei

b) querer, requerer, consentirei

c) quizer, requerer, consentirei

d) quiser, requerer, consintirei

e) quiser, requiser, consentirei

 

110. (E. C. Chagas-SP) Ainda que (  ) e nossas opiniões (  ), não é justo que se (  ) daí

termos agido de má-fé.

 

a) dissentimos, divirjam, infere

b) dissentimos, divergem, infere

c) dissintamos, divergem, infira

d) dissintamos, divirjam, infira

e) dissintamos, divirjam, infere

 

111. (E. C. Chagas-SP) Se (  ) o material necessário, anotaremos tudo o que vocês (  )

no dia em que nos (  ) novamente.

 

a) obtivermos, propuzerem, veremos

b) obtivéssemos, proporem, virmos

c) obtermos, propuserem, vermos

d) obtivermos, propuserem, virmos

e) obtermos, proporem, virmos

 

112. (E. C. Chagas-SP) ( ) tranquilo se esta pasta ( ) todos os documentos.

 

a) ficaria, continha

b) ficaria, contivesse

c) ficava, continha

d) ficaria, contesse

e) ficaria, conter

     

     

     

     

 

 

 

hiddenpic hiddenpic hiddenpichiddenpic hiddenpic hiddenpic hiddenpic hiddenpic hiddenpic hiddenpic hiddenpic